Informações - Aviso à população: Neve e Vento Forte - Aviso nº 10/2016 

1. SITUAÇÃO
 
No seguimento do contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), realizado no Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), e de acordo com a informação meteorológica disponibilizada pelo IPMA, salienta-se para os próximos dias a probabilidade de ocorrência de:
 
– Queda de neve (com acumulados no solo até 5 cm), a atingir repentinamente cotas de 400 a 600 m a partir das 12h00 na região do Minho e das 15h00 nas restantes regiões Norte e Centro;
 
– Vento a soprar forte de norte com rajadas da ordem dos 80 km/h no litoral Oeste e nas terras altas durante a tarde de amanhã.
 
 
2. EFEITOS EXPECTÁVEIS
 
Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:
 
– Condicionamento e/ou encerramento de vias de circulação devido à queda de neve;
 
– Piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água e gelo;
 
– Danos em estruturas montadas ou suspensas;
 
– Possibilidade de queda de ramos ou árvores em virtude de vento mais forte.
 
 
3. MEDIDAS PREVENTIVAS
 
A ANPC recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que, e em particular nas zonas historicamente mais vulneráveis, se recomenda a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:
 
– Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível formação de lençóis de água e gelo nas vias;
 
– Transporte e colocação das correntes de neve nas viaturas, sempre que se circular nas áreas atingidas pela queda de neve;
 
– Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas;
 
– Ter especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas, estando atento para a possibilidade de queda de ramos ou árvores, em virtude de vento mais forte;
 
– Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança;
 
– Seguir escrupulosamente as indicações transmitidas pelas autoridades policiais no que concerne ao respeito pelos cortes de estrada, percursos alternativos, sinalização e outras informações;
 
– Evitar comportamentos de risco que poderão originar acidentes não previstos.